"Somos Católicos... Bem Vindo à Sua Casa!!"

sexta-feira, 22 de outubro de 2010

Como escolher os padrinhos do Crisma

Sobre a escolha dos padrinhos:


Para ser padrinho é preciso preencher as seguintes condições:
* Ter mais de dezesseis anos;
* Ser Católico, crismado, já ter recebido o Santíssimo Sacramento da Eucaristia e que leve uma vida de acordo com a fé e o encargo que vai assumir;
* Não tenha sido atingido por nenhuma pena canônica;
* Que não seja pai / mãe ou namorado (a) do crismando,
* É conveniente que se assuma como padrinho de Crisma o mesmo que assumiu esse compromisso no Batismo.
É possível, porém, escolher outro padrinho/madrinha de crisma, sobretudo no caso em que os padrinhos de Batismo não estejam em condições de serem exemplos de fé para o crismando.

Devem-se seguir as normas do Código de Direito Canônico. Ao padrinho/madrinha, cabe cuidar que o crismando se comporte como verdadeira testemunha de Cristo e cumpra com fidelidade as obrigações inerentes a este sacramento.

O can.892, coloca que enquanto possível assista ao confirmando um padrinho. Isto significa que não há uma obrigatoriedade da presença do padrinho na Crisma.

Os atos dos apóstolos provam que o seu rito exterior consiste na imposição das mãos, diferente do batismo que utiliza a água. Os apóstolos Pedro e João, enviados a Samaria, "punham as mãos sobre os que tinham sido batizados", e recebiam estes o Espírito Santo (At 8, 12-17). Do mesmo modo, S. Paulo, vindo a Éfeso, batizou, em nome de Jesus Cristo, discípulos de João e a "eles impôs as mãos, para que o Espírito Santo baixasse sobre eles" (At 19, 1-6). Para que S. Paulo imporia as mãos sobre quem já era batizado se a Crisma não fosse um sacramento que confirmasse o Batismo, completando os dons do Espírito Santo?

Segundo estes textos compreende-se claramente que Pedro e João de um lado, e Paulo de outro, deram o Espírito Santo, pela imposição das mãos. Ora, tal prática seria ridícula, se eles o fizessem fora da vontade e das prescrições do Mestre. A Crisma é, pois, um sacramento instituído por Nosso Senhor.

Lembre-se: Ser Crismado é ser comprometido na Fé.

Equipe de acompanhamento
RotaJC

Nenhum comentário: